A Escola do Meu Filho

Uma escola deve ser escolhida com calma e deve atender, principalmente, as necessidades das crianças

Da família para a escola:

O período de adaptação

Expectativa,ansiedade,dúvidas,perguntas e até um certo nervosismo!! Tudo depende da disposição e orientação para que o processo de adaptação em uma nova escola ou à escola aconteça de forma natural e gradativa.
Nesse período a família e a escola precisam estar em sintonia, atenta e apoiando-se mutuamente.
Cada um tem seu papel para que a criança se adapte com tranquilidade a tudo de novo que está acontecendo.Todos desejam que tudo transcorra com naturalidade,mas para cada criança e cada família este processo ocorre de um jeito diferente.
 Não é possível compreender os sentimentos de uma criança sem pensar nos sentimentos que envolvem os pais. Se pequeninho(a) entrará em um desconhecido mundo para ele(a).
É importante que os pais tenham certeza da escola que fizeram e sintam a escola como um ambiente acolhedor e de parceria. quanto mais tranquilos os pais estiverem mais segurança transmitirão aos filhos e mais fácil será a sua adaptação.

Eu e meu esposo Elton encontramos uma escola que tem proporcionado uma ótima adaptação ao novo mundinho do nosso pequeno Nicolas, fomos conhecendo aos poucos as pessoas envolvida no contexto escolar e gradativamente todos nós tranquilos e confiantes.

A criança se expressa principalmente através do corpo e de atitudes,sendo assim,neste período é comum ocorrerem mudanças no seu comportamento,como alteração no sono,perda de apetite e a frequência no choro. O choro é a linguagem infantil marcante,é a maneira que os pequenos tem de se fazerem entender.
É importante nós os pais não se fragilizar diante deles,pois nem sempre o choro significa que a criança não queira ficar na escola. É a primeira experiência de afastamento familiar ,então o tempo de adaptação depende das características e da idade de cada criança.





Segue aqui algumas sugestões para seguir no processo adaptação na escola:


•Evite fazer comentários sobre a adaptação da criança em sua presença.

•Entregue seu filho à professora e caso já esteja caminhado, coloque-o no chão, para facilitar a despedida. Deixe seu filho, diga adeus com naturalidade não prolongue a despedida, pois com o tempo ele vai perceber que você volta todos os dias para buscá-lo.
•Evite olhar para trás e voltar porque começou a chorar. Se sentir necessidade, espere na portaria ou telefone em seguida para pedir informações.
•Evite interrogatório sobre o dia da criança na escola. Esta atitude pode demonstrar a sua insegurança. Se seu filho falar naturalmente, dê-lhe atenção, mas não faça inquisição.
Foi um diferenciar a atenção, que a escola direcionou ao meu filho, sua adaptação foi evolutiva.

Maternal 2012
















Anúncios